• Time Botnicks

Hard Skills e Soft Skills: Quais as principais diferenças?

Atualizado: 20 de jan.


Você já ouviu falar em Hard Skills ou Soft Skills? O conceito pode até soar diferente aos ouvidos, mas a verdade é que esse termo diz respeito a algo que todos nós carregamos, e que pode ser um diferencial em como nos relacionamos, profissionalmente e afetivamente.





Do que se trata o termo?


Hard Skill e Soft Skill são dois termos que diz respeito a habilidades e capacidades que vamos adquirindo ao longo da vida. Trata-se de termos distintos, porém complementares. Hard Skill está relacionado à capacitação técnica que vamos conquistando ao longo de nossa carreira. Já o Soft Skill diz respeito ao nosso comportamento social. Temos um artigo onde damos alguns exemplos, falando especificamente de cada um dos termos e como eles podem ajudar na sua empresa. Confira: Hard Skills e Soft Skills: O que são e como podem ajudar sua empresa.



Quais as principais diferenças?


Imagina uma escola funcionando de forma estruturada e funcional. Esse é um exemplo como tantos outros onde podemos pensar nas “Skills”, ou habilidades, em português, necessários para o bom funcionamento da organização.


Para que a escola contrate um professor de matemática, se faz necessário que esse profissional tenha uma formação específica na área de ciências exatas, já, um professor de biologia, precisa ser capacitado e ter sua formação na área de ciências exatas e da natureza. Nesses dois exemplos estamos tratando do Hard Skill desses profissionais.


Agora imagina essa mesma escola em sua rotina diária, nas reuniões bimestrais e tantos outros eventos onde não existem a necessidade de tratar o assunto da matéria que esses profissionais dominam... Certamente, eles precisarão de habilidades como: comunicação interpessoal, trabalho em equipe, resolução de conflitos e inteligência emocional, são as habilidades que chamamos de Soft Skills.


Recapitulando:


1. As Hard Skills são aptidões técnicas que podem ser mensuradas e comprovadas através de diplomas e certificados, e que são facilmente quantificáveis e reconhecidas.


2. As Soft Skills são aptidões mentais, sociais e emocionais: como lidamos positivamente com nossas emoções, desenvolvemos um pensamento crítico, ou trabalhamos a nossa criatividade, por isso, são mais difíceis de serem quantificadas, reconhecidas e consequentemente são menos citadas em currículos. Porém são facilmente qualificáveis, e normalmente identificadas em dinâmicas e situações cotidianas.



Qual habilidade devo priorizar?


Hoje, muito vem se discutindo a importância de avaliar as soft skills no processo de recrutamento e seleção. Isso por conta da mudança de mindset das empresas com o passar do tempo, veja: nada adianta ter um colaborador bem capacitado e com um leque de habilidades técnicas, se o mesmo não sabe lidar com o ambiente do qual coparticipa.


Por isso, não podemos menosprezar uma habilidade em detrimento da outra. Assim como os remos são indispensáveis como um componente que vai fazer a canoa navegar – hora remando para a esquerda, hora para a direita – o equilíbrio entre essas duas habilidades fará um colaborador bem mais qualificado, e como também uma peça fundamental que influencia positivamente a empresa, o clima organizacional, realização de atividades e a gestão de projetos.


Peter Druker, Analista Financeiro, Consultor Administrativo e Escritor – para citar algumas de suas Hard Skills tem uma célebre frase que cabe bem citarmos aqui:


“As pessoas são contratadas pelas

suas habilidades técnicas (hard skills),

mas são demitidas pelos

seus comportamentos (soft skills)”. — Peter Drucker


Como o RH pode ajudar a desenvolver essas skills em seus funcionários?


Existem algumas soluções de aprimoramento de hard e soft skills: workshops e palestras educativas, treinamentos e disponibilização de materiais e, claro, não esqueça de orientar e acompanhar o desenvolvimento e mobilizar os gestores para que compartilhem feedbacks com os profissionais de seus setores.


Conclusão


E aí? Agora você já sabe a diferença entre Hard e Soft Skills? Vimos que apesar de suas diferenças, ambas habilidades são importantes para tornar o ambiente de trabalho um lugar produtivo e impulsionar o desenvolvimento dos funcionários. Trazendo benefícios tanto para a empresa, quanto para o colaborador.


Antes de iniciar práticas para fortalecer e aprimorar as habilidades técnicas e comportamentais, liste as habilidades que impactam em cada setor da organização, e identifique o que pode ser aprimorado e o que necessita ser desenvolvido. Isso pode te auxiliar no processo de recrutamento, ou servir para motivar os colaboradores dentro da empresa.


Espero que tenha sido útil para você, qualquer dúvida deixe seu comentário.


Até mais! 💜




77 visualizações0 comentário